19 setembro 2013

Histórico da Casa da Comunidade do Bairro Santa Luzia

Padre Ladislau Foi Quém Fundou a Comunidade

Relatos da casa da comunidade destruída no Bairro Santa Luzia EM 06 DE SETEMBRO DE 1983
Em 15 de Julho de 1982, depois de varias reuniões, o povo da comunidade de Santa Luzia, vendo a necessidade de um local onde pudessem, se reunirem, decidirem construir uma casa com as seguintes finalidades: celebração do culto dominical, catequese para as crianças, alfabetização de adultos  reuniões e encontros. O terreno escolhido foi um terreno apossado do Sr. Antonio Gonçalo que doou a comunidade do Bairro de Santa Luzia, a mesma foi construída em mutirão, com a participação de todos através de leilões, ofertas, horas de trabalho. Mesmo com passando por muitas dificuldades devido a difícil situação do povo diante da seca. Todos colaboraram com muito entusiasmo na sonhada construção da casa da comunidade.  Mesmo com muito empenho só foi terminada em 12 de Junho de 1983. Como o terreno não era legalizado e pertencia a prefeitura de Esperantina e o prefeito então  Manoel Lages Filho pediu para a comunidade legalizar o mesmo. Foi reunido uma equipe para falar com o prefeito  e para a surpresa da equipe o prefeito teria mudado de opinião dizendo que não legalizava e nem vendia. E acrescentou que retirasse a casa da comunidade do terreno. E no dia 10 de agosto de 1983 o prefeito baixou uma portaria N° 40/83 e mandou para o animador da comunidade, o senhor Joaquim Machado de Oliveira. O povo da comunidade sabendo da resposta do Prefeito, de imediato fizeram um abaixo assinado no dia 18 de agosto de 1983. Em resposta ao baixo assinado o Dr. Joaquim Dias de Santana Filho solicitado pela prefeitura despachou um mandato de intimação ao animador da comunidade Joaquim Machado de Oliveira que demolisse a casa da comunidade, e o Juiz acrescentou que caso houvesse resistência por parte réu em cumprir esta decisão fica autorizado o uso da força Pública, caso em que se oficializará ao comando da Policia Local. E foi exatamente o que aconteceu;  a prefeitura juntamente com a policia foram até a casa da comunidade e no dia 06 de Setembro destruíram a referida casa da comunidade, situado no Bairro Santa Luzia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário