16 março 2013

A ARTE DE FOTOGRAFAR







Chico Museu
Declaro ao mundo das artes, que tenho uma paixão muito grande pelo o mundo da fotografia. No inicio das décadas de 80, na localidade Chapada de São Miguel, eu tinha talvez oito a nove anos de idade quando surgiu a noticia de que uma jovem vinda de outro Pais, no entanto era  da Alemanha, estava fotografando as pessoas daquela referida localidade. Ela se chamava Michelle, era simpática e gostava de fotografar as cenas do cotidiano.  Lembro que foi a primeira vez que vir alguém tirando foto, e desde daquele dia  me apaixonei  por aquele oficio, lembro que a jovem Michelle  tirou a foto da Amparo, era uma jovem morena e a mesma estava puxando água de um poço, através da famosa gangorra.  Aquela sena ficou em minha mente e queria conseguir uma máquina para mim, mas foi tudo em vão, pois a minha mãe jamais teria a condição de me presentear. Éramos de família muito humilde e esse sonho só fui realizar no ano de 1992 a 1993. Foi quando a minha família veio embora para a cidade e tive a oportunidade de conhecer pessoas que  tinha máquinas fotográfica,  eu sempre pedia para a mãe comprar, mas o dinheiro não dava, até que surgiu a famosa máquina fotográfica descartável, que se chamava de LOVE. Foi quando eu juntei uns trocados e conseguir comprar  a máquina LOVE. Naquela época, Confesso que foi o maior presente que já comprei.  E desde da LOVE, nunca mais conseguir viver sem uma máquina fotográfica.  Já conseguir  comprar infinitas máquinas e já fiz curso básico de fotografia.  Atualmente estou fazendo uma coleção de máquinas fotográficas , tudo isso em nome do amor pela arte da fotografia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário